segunda-feira, 1 de julho de 2013

DEPOIS DE PROTESTOS ALCKMIN, HADDAD E PRATICAMENTE TODOS OS POLÍTICOS CAEM NAS PESQUISAS

Alckmin perde 14 pontos, Haddad 16. Em um cenário voltado para as próximas eleições o governador sofre também queda, mas nenhum dos seus adversários é favorecido. O que aumenta e a quantidade de pessoas que decidiram votar em branco, nulo ou em nenhum dos candidatos. O único que obteve uma pequena alteração positiva foi o presidente da FIESP. Skaf oscilou de 16 para 19 pontos de aprovação. Até Lula, numa possível disputa com Alckmin para o Governo do Estado caiu 4 pontos. Na pesquisa do Data Folha perdas atingiram todas as siglas.