sexta-feira, 14 de agosto de 2015

LULA DE NOVO PARA ALEGRIA DO POVO


Houve um tempo em que um escândalo, conhecido como Mensalão, sacudiu a política brasileira. As quantias pareciam gigantescas, uma pixuleco, se  comparadas com as da Lava Jato. Políticos importantes foram parar na cadeia, empresários menos importantes pegaram penas mais pesadas. Joaquim Barbosa transformou-se em herói e vilão nacional, dependo da torcida. O “povo”estava nas ruas protestando “contra tudo isso aí”. A oposição exultava, achando que finalmente tinha chegado a sua vez, bastando apenas deixar o governo sangrar até à morte. Cogitou-se em impeachment de Lula, mas o assunto foi “generosamente” deixado de lado, afinal o PT e o presidente estavam na UTI.

Lula e o PT deram a volta por cima. O partido chegou às urnas mais forte que nunca, elegeu o presidente, que ganhou de lavada da oposição, basicamente do PSDB, que perdeu nada menos que 2,4 milhões de votos, entre o primeiro e o segundo turno, enquanto Lula ganhava nada menos que 11,6 milhões a mais do que tinha amealhado no primeiro.

A história de repetirá, ainda que como farsa, mais uma vez? A ver. Mas enquanto o PT arregaça as mangas e parte para a luta, a oposição, mais suma vez, mete os pés pelas mãos, não tem um discurso unificado, não define onde quer chegar, não tem um plano alternativo para a saída da crise, para apresentar a população, debate-se entre os interesses particulares das suas lideranças, muitas mais preocupadas com os seus futuros particulares que com o futuro da nação e o projeto político (se é quem têm) das suas agremiações.

É claro que temos aí um fator novo, que é a crise econômica cujas consequências ainda se prolongarão, nos cálculos mais otimistas, até o próximo ano. Se tudo der certo só lá para 2017/18 teremos algum alívio. Tempo suficiente para que Lula coloque-se novamente no páreo, usando a lembrança dos bons tempos do seu governo, principalmente do primeiro mandato, quando tudo parecia ir muito bem, para dar a volta por cima. Palmas pra ele que é esperto. Afinal, o povão não vai querer saber de história nenhuma de que foi nos seus governos que foram gerados todos os pepinos e barbeiragens econômicas que terminaram caindo no colo da atual presidente. E mais uma vez a oposição pode ficar por aí, no meio do caminho, chupando o dedo.

PS.: Eu adoro essa foto do Lula. Tô de olho. Tô sabendo tudo de uns e outros. Sou esperto.