quinta-feira, 27 de outubro de 2016

RENAN E OS JUIZECOS -

Ok, todo mundo sabe bem quem é Renan Calheiros e tem motivos para fazer os mais variados conceitos sobre o Presidente do Senado, principalmente depois das suas últimas declarações espinafrando um juiz de primeira instância e o atual Ministro da Justiça. Ok, ok. Mas não é muito estranho que a Presidente do STF tenha resolvido marcar para o próximo dia 3 o julgamento de uma ação que pode ameaçar a permanência de Renan na presidência do Senado? Todo mundo sabe, também, que o senador é alvo de ao menos 11 inquéritos no STF que até agora dormiam em berço esplêndido pela gavetas da Suprema Corte. E de repente... justo quando a ministra Carmen Lúcia sai em defesa do juiz de primeira instância, afirmando que "onde um juiz for destratado, eu também sou", ela encontre de súbito, como quem não quer nada, um espaço na agenda do tribunal, para acordar um dos inquéritos contra Renan. Tudo muito estranho. E ditadura do judiciário, é bem lembrar, que não é nada melhor, ou mais suportável que qualquer outra.