terça-feira, 16 de julho de 2013

AFINAL O QUE ESTAVA POR TRÁS DOS BOATOS SOBRE O FIM DO BOLSA FAMÍLIA?

Ricardo Balthazar escreveu um ótimo e bem humorado artigo sobre isso na Folha de São Paulo, no último dia 15. Vale a leitura. O fato é que depois de muita investigação a Polícia Federal anunciou a conclusão do seu inquérito, informando que não chegou a lugar nenhum (rsss). O mais perto de um possível culpado a que chegou foi a identificação, digamos assim, de uma mulher da cidade de Cajazeiras, na Paraíba, que teria sido a primeira pessoa a comentar o assunto nas redes sociais. Mais cômico impossível. De qualquer forma a nota da PF afirma que isso nada teve a ver com a proliferação da boataria sobre o fim do Bolsa.
Bom, e como ficam agora os apressados de plantão, entre eles várias ministros que se apressaram em ver uma verdadeira conspiração em andamento contra o Governo?
Na verdade, dias depois das desastradas declarações das autoridades, ficamos sabendo que o que aconteceu de fato foi uma trapalhada da Caixa Econômica, que decidiu mudar o calendário habitual de pagamentos sem avisar ninguém. O mais provável é que isso tenha confundido as pessoas e alimentado a boataria.
Ricardo Balthazar, no seu artigo, sugere que talvez tivesse sido melhor chamar a NSA, a agência norte-americana que bisbilhota todo o mundo pela internet, que provavelmente encontraria as respostas que as autoridades brasileiras foram incapazes de encontrar.